Translate

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Norton Commando 961 - uma história de tradição inglesa.

Por Waldyr Costa
Imagens de divulgação/Norton.

Norton Commando 961 SF

A Norton é uma dessas empresas centenárias que nunca foi uma empresa grande, mas sempre foi uma grande empresa. Tudo começou no longínquo ano de 1898, como Norton Motors Ltd. em Birmingham na Inglaterra, uma fábrica de peças de moto. É, a Norton já nasceu "moto" no século 19! nos primeiros anos de século 20 já estava fazendo as suas motos, mas com motores de outros fornecedores. Apenas em 1908 ela fabricou a primeira moto com motor de fabricação própria. Logo a marca se envolveu em competições e se tornou uma lenda.


Traseira do modelo 961 Sport

Durante a segunda guerra mundial, produziu quase 100.000 motos para os exércitos. Eram os modelos 16H e Big4. Passada a recessão pós-guerra, a Norton, com novos sócios, refloresce e fabrica vários modelos com motores de dois cilindros como a Dominator Twins de 500cc evoluindo a 650cc e a 750cc Atlas, com grande sucesso comercial, especialmente nos EUA.

961 Café Racer posando no autódromo

Em 1968, nascia a moto mais emblemática da Norton, a Commando, eleita a melhor moto por várias anos consecutivos pela mídia especializada. Outros modelos de maior capacidade sucederam a linha de motos. Durante os anos 80 e 90, após ser feita união com a BSA-Triumph, maior fabricante inglês dos anos 70/80, formando a Norton Villers Triumph - NVT - a empresa sucumbiu à má administração, manipulações políticas e jogos de interesse. Isso destruiu a maior indústria motociclística que a Inglaterra já teve.

Stuart Garner, novo proprietário da Norton, desde 2008, no showroom da montadora.

Em 2008 um empresário inglês, Stuart Garner, comprou os direitos da Norton, que já estavam espalhados, re-estruturou a Norton em Donigton Park e fez o renascimento da marca mundialmente, produzindo até uma superbike de 1200cc e diversas superesportivas de 750cc. A última conquista foi o prêmio de excelência técnica do Tourist Trophy em 2012, é o Motul Team Award for Technical Excellence, mostrando que a marca ainda está no topo que qualidade em técnica construtiva.

Norton Commando 961 Café Racer

Atualmente a Norton Motorcycles Company possui atividade com o Tourist Trophy com uma moto de competição com motor V4 de 195cv; tem o projeto NRV588 que possui motor Wankel (é um tipo de motor rotativo, diferente dos motores de ciclo Otto como os usados em quase todas as motos hoje), a moto é um protótipo de 130kg a seco e tem 170cv e torque de mais de 11kgfm em uma vasta faixa de rotação - números incríveis para uma 600cc.

Norton Commando 961 Café Racer


Hoje, as opções disponíveis para venda são as três versões da clássica Norton Commando 961: a SE, a Café Racer e a Sport. Vamos considerar os dados da Commando 961 Café Racer e informaremos as diferenças se houverem:

961 Café Racer

Todas elas utilizam a mesma base: motor de dois cilindros paralelos com 961cc, refrigeração a ar, duas válvulas por cilindro, injeção eltrônica digital e escape com conversor catalítico de três vias. Apesar da aparência clássica o motor é bem moderno. A taxa de compressão de 10:1 dará uma longevidade secular a esse motor, que gera potência máxima de 80cv @ 7.700rpm e torque máximo de pouco mais de 8kgfm @ 6.000 rpm. 

Norton Commando 961 Sport
O quadro é de tubos de aço com armazenamento interno do óleo do motor, o guidon é de alumínio, a balança traseira (braço oscilante) é tradicional, com duas vigas de aço, o rake e o trail são 24,5º e 99mm respectivamente. Na frente tem rodas de 3,5x17 polegadas de aço polido com pneu 120/70 ZR17 e na traseira rodas de 5,5x17 polegadas, também de aço polido, e pneu 180/55 ZR17. 

961 Café Racer

O curso da suspensão dianteira Öhlins é de 11,5cm com ajuste na pré-carga, compressão e retorno com seletores de fácil manuseio, invertida (upside down) na Café Racer e na SE, no modelo Sport é mais simples, convencional. E na traseira também tem um par amortecedores Öhlins, com reservatório, curso de 10cm, igualmente ajustável na pré-carga, compressão e retorno. 

961 Sport - suspensões convencionais na frente.
O tanque tem capacidade para 17 litros, o peso (massa) é de 205kg a seco, passa dos 220 em ordem de marcha com tanque cheio. A altura do assento é 81,3cm e o entre-eixos é 1.423mm. O sistema elétrico possui alternador de 300W. O painel tem medidores de velocidade e rotação do motor  tipo relógio (velocímetro e tacômetro análogos) e um display digital com as informações complementares, com odômetro, km parcial, voltagem da bateria e horas.

961 Sport

Os freios são Brembo, na frente com discos flutuantes de aço carbono com 320mm de diâmetro, as pinças têm 4 pistões radiais e cilindro-mestre de freio também é da linha "goldline" da Brembo com os manetes de aço inox. Na traseira é um disco simples de 220mm, pinça de dois pistões, cilindro mestre da mesma marca e pedal de freio de aço inox.

961 SE - acabamento requintado com algumas peças de fibra de carbono.

961 SE


Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO: seu comentário passará pelo moderador antes de ser publicado, então não será publicado imediatamente. Procure escrever em bom Português e não utilize linguagem ofensiva. Se comentar como anônimo, informe seu nome. Comentários desrespeitosos, ofensivos e com linguagem imprópria serão excluídos.