Translate

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Honda NC750X 2015: finalmente no Brasil, a top em economia.

Por Waldyr Costa
Imagens divulgação

Honda NC750X chega ao Brasil com alguns melhoramentos e 50cc a mais no motor. Top em economia de combustível.

A Honda NC750X foi lançada em 2013, durante o salão EICMA, como upgrade da NC700X, assim como a naked NC750S e o scooter Integra 750. Foi bem sucedida na Europa e também a precursora da nova linha CB, que prioriza economia em detrimento de desempenho, sem que isso signifique que o mesmo não seja mais que suficiente. Com o aumento da cilindrada das 600cc para 650cc (CB650), a Honda viu que aumentar o volume do motor da linha NC traria dois benefícios: ela poderia amenizar as reclamações de falta de força no motor de 700cc - economia de combustível tem seu preço - e separá-la um pouco das CB650. Na Europa ela não sofreu aumento de preço e o motor de 700cc ainda permanece em modelos como o CTX.


Se pilotada com carinho e respeitada as velocidades permitidas nas rodovias, a NC750X chega a fazer até 30km/L.

Para quem acha que potência é tudo, nem encoste numa NC. Mas se quer uma moto inteligente ela é uma opção extremamente válida. Um exemplo em economia, é uma das motos mais econômicas do mundo em sua faixa de cilindrada. É muito acessível aos pilotos menos experientes, bastante confortável e com design diferenciado. Para quem faz longas viagens, o seu tanque tem capacidade pequena, embora seja capaz de atingir autonomia de 300km com apenas 10 litros, os 14 litros de seu tanque poderiam ser mais e não influenciariam negativamente em seu peso. Pelo menos uns 17 litros para deixá-la capaz de rodar 400km sem preocupação com reabastecimento seria ótimo, pois não temos gasolina de qualidade em todos os postos quando viajamos. E com o risco de aumento do percentual de álcool na gasolina para 27%, a "mistureba" vai rolar solta por aí e a moto não é flex, então poder escolher combustível mais confiável, para não ter problema, é importante.

Para quem quer uma moto racional, sem pagar pela potência que não vai usar e ainda ganhando em economia e conforto.

A nova NC750X também conseguiu obter mais potência e menor consumo em relação ao modelo anterior NC700X, além de um pouco mais de potência e torque, segundo a Honda. No brasil o preço é sempre um pouco acima da média: considerando o preço da extinta Hornet (€ 8.000), a CB650F (€ 7.300) deveria estar em torno de R$ 27,5 mil e a NC750X (€ 7.000) em 26,5 mil, proporcionalmente. Mas a NC750X se paga com economia. Apesar de ser uma excelente moto, você pode até ponderar se não seria melhor, com esses R$ 30 mil que estão cobrando numa NC, pegar uma moto semi-nova com motor maior ou mais esportivo.

O alto preço é compensado pelo excelente consumo de combustível.

Se você já é um piloto habituado com alta cilindrada, talvez sim. Mas se é sua primeira moto média ou "grande", talvez não. É simples: a NC é leve, fácil de pilotar, com comportamento previsível e desempenho educado, o que ajuda muito os jovens a "pegar" mais experiência. Além de ser confortável e de consumo muito baixo. Para quem acha que é melhor outra moto de maior cilindrada (usada), mas não abre mão da economia de combustível, nada no mercado vai ser tão econômico como uma NC, nem mesmo qualquer CB500, e um motor mais esportivo vai por o preço do km rodado nas alturas, tanto em manutenção quanto em consumo. Se for o caso, esteja avisado.

Segue o press release oficial da Honda do Brasil:



Honda lança nova crossover NC 750X no mercado brasileiro
Mais potente e atualizado, modelo aventureiro chega a partir de fevereiro 
com novo motor de 745 cm³ para manter a liderança do segmento

O ano de 2015 já desponta com mais uma grande novidade Honda: o lançamento da crossover NC 750X, modelo que chega para substituir a antecessora NC 700X, apresentada em 2012 e que em pouco tempo se tornou uma das motocicletas mais vendidas no segmento não só no Brasil, como também nos principais mercados do exterior. Trata-se de um produto com características de grande conforto, prático, econômico e acessível, para quem necessita de uma motocicleta para o uso diário, sem abrir mão das aventuras do final de semana.


Entre as principais novidades, está o inédito motor de 745 cm³, potente, econômico e versátil; a nova textura aplicada à cobertura do assento, além de alterações visuais no propulsor, agora com pintura mais escurecida, que proporcionaram um conjunto mais sofisticado e atual. Com comercialização prevista para meados de fevereiro, o lançamento aposta em seu estilo imponente como forma de reforçar e ampliar o segmento Premium no Brasil, que inclui as motocicletas trail/crossover de alta cilindrada.


Produzida na fábrica de Manaus (AM), a NC 750X traz um projeto moderno e de alta tecnologia, com desenvolvimento baseado em três pilares principais: conforto, segurança e eficiência ambiental. O resultado é um conjunto único, robusto, confiável, de ótimo desempenho, grande agilidade e boa facilidade de condução, em sintonia com as principais tendências e conceitos da marca, onde os índices de emissão de poluentes são cada vez mais baixos e os níveis de segurança cada vez maiores.


Torque e desempenho na pilotagem

A grande novidade da nova Honda NC 750X está no motor SOHC (Single Over Head Camshaft), um bicilíndrico em linha, quatro tempos, arrefecimento a líquido e injeção eletrônica PGM-FI (Programmed Fuel Injection). Com maior capacidade cúbica, tem agora 745 cm³ e desempenho otimizado. Em relação ao modelo anterior, a potência máxima é 4% superior, com 54,8 cv a 6.250 rpm. O torque também aumentou em 8%: são 6,94 kgf.m a 4.750 rpm. 

Estas características criaram uma combinação única entre desempenho e versatilidade, ideal para quem busca uma motocicleta robusta e com proposta aventureira. O resultado final proporcionou maior potência e torque de forma equilibrada para uso nos centros urbanos, com grande capacidade de manobras, excelente agilidade e arrancadas rápidas em qualquer situação.


Destaque também para o novo sistema de escapamento, de maior eficiência. O resultado pode ser constatado no prazer da pilotagem, com respostas mais rápidas e eficazes, além de baixo consumo de combustível. Internamente, o motor da NC 750X ganhou novos balanceiros, duplos nesta nova versão, que geram menor vibração, priorizam o conforto e asseguram uma condução mais suave. A faixa de corte também foi ampliada em mais 400 rpm.

Crossover com estilo imponente

A nova NC 750X mantém um visual diferenciado. Suas linhas altas e anguladas têm muita personalidade e permanecem bem atuais, atraindo consumidores que buscam estilo e beleza em um conjunto com a proposta da categoria Crossover. Na frente, o grupo óptico possui farol com lâmpada halógena de 60/55 W, que assegura grande visibilidade. Os indicadores de direção estão fixados na parte superior da carenagem, que em conjunto com o para-brisa, reduz o atrito com o ar e possibilita mais conforto e agilidade ao modelo.


Com ótima área e facilidade de leitura, o painel de instrumentos digital em LCD é completo e conta como velocímetro, conta-giros, indicador de combustível, relógio e hodômetro duplo (total e parcial). Destaque para novo e prático visualizador de marchas, além do computador de bordo que fornece informações sobre o consumo médio, instantâneo e combustível utilizado (litros). No guidão elevado, a novidade está na adoção de novos manetes, mais confortáveis e com melhor aderência para o manuseio do piloto.

Outro diferencial é a adoção dos novos pneus Pirelli, que já equipam a família CB 500 no mercado brasileiro. Com medidas 120/70 ZR17M/C (dianteira) e 160/60 ZR17M/C (traseira), garantem uma pilotagem mais ágil e trazem mais conforto e segurança, principalmente na condução em pisos de baixa aderência ou estrada.

Desempenho e praticidade em qualquer terreno

Na crossover NC 750X, a Honda não apenas aprimorou o conjunto, mas também procurou potencializar as principais características que mais agradavam aos consumidores na versão anterior, principalmente em termos de conforto e racionalidade.


O modelo continua com o prático compartimento localizado no espaço tradicionalmente ocupado pelo tanque de combustível na maioria das motocicletas. Projetado para transportar objetos pessoais de menor volume – até um capacete - é exclusivo em uma motocicleta desta categoria e se torna uma opção bem vantajosa em relação ao uso de mochilas e baús, com grande praticidade ao consumidor que pretende utilizar o modelo no dia-a-dia.


O assento em dois níveis tem 831 mm de altura em relação ao solo e ganhou uma nova textura para melhorar a aderência ao corpo do piloto e garupa. Abaixo do assento está o tanque de combustível de 14,1 litros, solução que beneficia a distribuição de peso do conjunto e resulta em uma pilotagem mais segura, equilibrada e confortável, com grande autonomia, sem a necessidade de reabastecimentos frequentes, principalmente em viagens.

O chassi da nova NC 750X é do tipo Diamond e produzido em aço. Sua estrutura, assim como o motor, ganhou acabamento com pintura escurecida e destacou ainda mais o modelo, com um visual sofisticado e atual. A suspensão dianteira é do tipo garfo telescópico, com 153,5 mm. A traseira Pró-link tem curso de 150 mm e admite a possibilidade de ajustes na pré-carga da mola. A distância entre eixos é de 1.538 mm.

As rodas são de liga leve e 17 polegadas. Para maior segurança e conforto, os freios são equipados com sistema ABS (antitravamento), com disco de 320 mm na dianteira e cáliper de dois pistões. Na traseira, o disco tem 240 mm e cáliper de único pistão. Com peso total de 205 kg para a versão standard e 209 Kg para a versão com sistema de freios ABS, o conjunto contribuiu para maior estabilidade, tanto na pilotagem urbana quanto em estradas não pavimentadas.


Disponível nas cores branca perolizada e preta (nova), com um ano de garantia, a nova Honda NC 750X será oferecida nas versões standard e ABS. Tem preço público sugerido de R$ 28.990,00 (STD) e R$ 31.100,00 (ABS). Os valores têm como base o Estado de São Paulo e não incluem custos com frete e seguro.





26 comentários:

  1. Tem tudo para ter seu lugar ao Sol, parece realmente ser uma moto interessante.
    Quanto ao freio ABS deixa a desejar pois regrediu já que tinha o conjugado e agora esta com o ABS convencional novamente, por que tirar?
    O valor não é baixo por isso deveria oferecer mais tecnologia, mas este motor bi cilindro e paralelos parece ser muito bom e econômico.
    Confesso que estou namorando a mesma.

    Renato - Cuiabá MT

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O freio combinado que tinha era uma bosta

      Excluir
    2. Luis, eu tenho uma 2015 com abs. Comprei zera na motozema. O freio por ser abs deixa a desejar mesmo, mas se o piloto tem o hábito e habilidade de frear o traseiro e dianteiro ao mesmo tempo, funciona bem. Fora disso, a moto é espetacular; é econômica e muito confortável! Eu estava pesquisando uma moto boa pra viagem, econômica e que fosse boa de ultrapassagens, a nc 750 me atendeu! Sem falar que eu ando com três baús de alumínio carregados e mais garupa.

      Excluir
    3. Olá Luis Almeida, você poderia nos descrever um pouco mais sobre o que achou da sua moto (quando tinha ela)? Seria interessante uma opinião crítica sobre os pontos positivos e negativos. Obrigado pela participação.

      Excluir
    4. Olá, Zafenate. Obrigado por compartilhar sua opinião. Quando quiser escrever mais um pouco, fique à vontade. Boa sorte e pilote consciente.

      Excluir
  2. Tem tudo para ter seu lugar ao Sol, parece realmente ser uma moto interessante.
    Quanto ao freio ABS deixa a desejar pois regrediu já que tinha o conjugado e agora esta com o ABS convencional novamente, por que tirar?
    O valor não é baixo por isso deveria oferecer mais tecnologia, mas este motor bi cilindro e paralelos parece ser muito bom e econômico.
    Confesso que estou namorando a mesma.

    Renato - Cuiabá MT

    ResponderExcluir
  3. NC750X... o bom senso em duas rodas.

    ResponderExcluir
  4. PELO PREÇO, DEVERIA VIR COM A SUSPENSÃO DIANTEIRA COM GARFO INVERTIDO E TANQUE DE COMBUSTÍVEL DE PELO MENOS 19 LITROS......

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo MOTOQUEIRO, realmente acho que por esse preço deveria existir mais tecnologia na NC, mas referente ao tamanho do tanque, te garanto que não influi negativamente, pois se você manter uma velocidade constante de 120 km h, os 14 litros de gasolina vai te levar a inacreditável 400 km. Eu tenho uma 750, e fiz uma média rodando numa velocidade constante de 135-145 km/h, o resultado foi 26,5 km/L.

      Excluir
    2. Valeu Zafenate. Se quiser relatar algo mais, fique à vontade. Boa sorte e piloto consciente.

      Excluir
    3. Galera, falamos que pelo o preço ela deveria ter isso ou aquilo.....
      Essa moto la fora é muito barata, exatamente por não ter muito disso ou aquilo. Obs lá ela ainda tem a versão automatica.
      más sebemos que aqui no Brasil, eles colocam o preço que querem. Por isso achamos defeitos do tipo, teria que ter isso ou aquilo. Minha opinião. não vejo a hora de pegar a minha.

      Excluir
  5. PELO PREÇO, DEVERIA VIR COM A SUSPENSÃO DIANTEIRA COM GARFO INVERTIDO E TANQUE DE COMBUSTÍVEL DE PELO MENOS 19 LITROS......

    ResponderExcluir
  6. Sinceramente ainda prefiro a BMW G650gs

    ResponderExcluir
  7. Sinceramente ainda prefiro a BMW G650gs

    ResponderExcluir
  8. TENHO UMA , MUITO BOA PARA QUEM CURTE A VIAGEM SEM PRESSA

    ResponderExcluir
  9. Adquiri recentemente uma NC750X ano 2016, totalmente preta. Visual lindo, conforto máximo, facilidade de pilotagem. E o consumo.... ah, o consumo é uma maravilha, gasta como se fosse uma 250cc. Estou satisfeito e curtindo adoidado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns Valther e obrigado por participar. Quando quiser fazer um relato mais completo sobre a moto, fique à vontade, o espaço é todo seu. Boa sorte e pilote consciente.

      Excluir
  10. Excelente post! Muito esclarecedor. Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por participar. Boa sorte e pilote consciente.

      Excluir
  11. Boa tarde, tenho uma nc700x e já aprecio muito. Assim que puder ire fazer um up pra 750. Essa nova concepção de motor que a dona onda fez é perfeita pra quem gosta de uma tocada suave, mas com certa boa dose de força...

    ResponderExcluir
  12. Excelente moto. Tive uma NC700x 2014 e infelizmente, quando estava tudo preparado para minha 1ª grande viagem...fui roubado. Ainda não tive condições $$ de comprar outra moto grande, mas com certeza será outra NC. Já viram a nova NC? Achei muito bonita e com algumas melhorias. Gostei muito da azul. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por compartilhar sua opinião. Boa sorte com a próxima máquina.

      Excluir
  13. Comprei a minha nc 750 com abs em novembro de 2015, rodei apenas 7000 km. sinceramente não tenho nada negativamente pra falar contra essa moto, ela é espetacular! A rodovia é o ambiente natural dela, e no dia dia urbano ela vai muito bem. No consumo, ela dá chapéu em muitas 250cc por ai. Ha,,, e o conforto? fiz uma viagem de 500 km com poucas paradas, com garupa e com três baus carregados, cheguei lá inteiro pronto pra rodar mais 500. E olha que já estou com 61 anos... Se eu achar 30 mil na minha, eu vendo, coloco mais dinheiro e compro outra nc modelo 2016.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Zafenate, obrigado por participar e compartilhar sua opinião. Boa sorte.

      Excluir
  14. boa tarde...
    hoje a febre entre os adolescentes é a Hornet, estou pesquisando muito sobre motos de alta cilindrada.
    NC700 E NC750 observo que é uma ótima moto para se aventurar.
    Agora tenho grande duvida:
    vale apena comprar moto dessa sem ABS?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Adolescentes não podem pilotar.
      Hornet e NC750 são motos de média cilindrada.
      A hornet está fora de linha e vem se tornando uma moto muito marginalizada. É uma compra de alto risco.
      Sobre o os freios, há alguns anos não havia ABS e ninguém deixou de ter moto por causa disso. É um item importante para a segurança, mas não resolve casos de imprudência nem imperícia. Se você comprar uma moto com ABS ela vai ser mais cara na hora de comprar e também na hora de revender.
      Boa sorte.

      Excluir

ATENÇÃO: seu comentário passará pelo moderador antes de ser publicado, então não será publicado imediatamente. Procure escrever em bom Português e não utilize linguagem ofensiva. Se comentar como anônimo, informe seu nome. Comentários desrespeitosos, ofensivos e com linguagem imprópria serão excluídos.