Translate

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Yamaha MT-07 2015: já está no Brasil a média mais esperada da marca nos últimos anos.

Por Waldyr Costa
Imagens divulgação


A nova Yamaha MT-07 já chega ao mercado brasileiro carregando uma boa dose de sucesso na Europa e América do Norte. Êxito tanto com os consumidores quanto com a imprensa especializada. Lá fora ela está numa faixa de preço que disputa mercado com a Honda CB500F, especialmente nos EUA, onde a frase "como a Yamaha conseguiu fazer um pacote tão bom com um preço tão em conta?" foi repetida por algumas publicações. Infelizmente a regra de preço em conta não se aplica no Brasil a nenhum modelo, qualquer que seja a marca. Na Espanha são € 5.000, na Inglaterra £ 5.200 e US$ 7.000 nos EUA. Para nós são R$ 27.000 + frete/seguro sem ABS e R$ 28,5 mil + frete/seguro com ABS.




A "07" tem o DNA das MT da Yamaha, com louvor: motor com bastante torque, especialmente uniforme e plano, que dá a impressão de estar sempre cheio, e a potência bem controlada para não assombrar um jovem piloto que ingresse neste mundo das médias bicilíndricas. Sua identidade visual é uma cópia da irmã maior, a MT-09. Aliás, ela é meio que uma "costela de Adão" da 09, são oriundas do mesmo projeto - filhas dos mesmos pais. Ela é capaz de agradar também aos mais exigentes, mantendo o consumo contido. A facilidade de condução com boa sensibilidade e agilidade também impressionou os europeus, embora alguns exagerem e fiquem comparando-a com uma esportiva.


Ela é apenas uma naked urbana capaz de dar alguma diversão nas estradas, não é uma super esportiva, muito menos uma dragster ou uma turismo. Vamos por cada coisa no seu devido lugar. E se ela é capaz de captar algumas características ou qualidades de outros estilos, é mérito dos engenheiros da marca. Algumas reclamações eventuais surgiram sobre o pequeno tanque (11,3 litros, fora a reserva), o som do escape (não ser mais agressivo) e os freios (eles deveriam ser mais potentes em função do desempenho que a moto tem, embora não pareça que um duplo disco na frente não seja capaz de controlar o ímpeto desta "pequena").


Para quem gosta de anotar o consumo, a MT-07 2015 registrou 23,7 km/L, em média {dados do site fuelly.com, que faz os registros dos consumos declarados pelos proprietários, mas alguns deles conseguiram consumo de até 30 km/L}. Em termos de autonomia, com os 11,3 litros (sem usar a reserva), em média, dá pra percorrer aproximadamente 268 km e 332 km até o final da reserva, podendo chegar a 420km se você for capaz de manter um consumo médio de 30km/L.


Podemos comparar com a concorrência: Honda NC750X (2014) com 26,5km/L, Kawasaki ER-6n (2012/2014) 20,9 km/L e Suzuki SV650 Gladius (2012/2013) 23,1 km/L. Assim como o desempenho da MT-07 está mais para o da Gladius e da ER-6, o consumo também está, e não chega a ser equivalente ao da Honda, mas esta diferença de 11.8% pode compensar pelo melhor desempenho e os R$ 2 mil de economia na compra. Com relação à Suzuki, o desempenho e consumo são próximos, enquanto o preço da Gladius despencou de 30 para 27 mil Reais, o que deixa a situação quase empatada. A maior desvantagem é da Kawasaki ER-6, com preço igual ao da Honda e pior consumo entre estes modelos comparados. Outras opções a considerar são a Yamaha XJ6 (R$ 30 mil), A Honda CB500F (R$ 23 mil) e a Suzuki Bandit 650 que está mais barata, com o mesmo preço da Gladius. Para saber mais, você pode ler (aqui) o nosso post anterior, quando ela foi lançada na Europa.

Segue o press release oficial da Yamaha do Brasil:


YAMAHA LANÇA MT-07 NO BRASIL
Sucesso mundial, com 689 cc, 2 cilindros, 74,8 cv, 6,9kgf.m
design inconfundível e único da família MT - Master of Torque

A Yamaha amplia a família MT (Master of Torque) e lança no mercado brasileiro a MT-07. O público que já conta com a MT-09 desde o ano passado, agora passa a ter mais uma opção da marca dos três diapasões. O modelo se destaca pelo design singular e agressivo, performance e tecnologia de ponta, altas características da família MT. A MT-07 exibe força e linearidade com seus dois cilindros, proporcionando facilidade de pilotagem, graças ao excelente torque, resultando em agilidade, diversão e esportividade. 


O compacto e potente motor, proporciona alta performance, enquanto o peso reduzido e a massa centralizada combinam perfeitamente, garantindo agilidade e facilidade na hora da pilotagem. Tudo isso a um preço muito acessível. No Brasil, a MT-07 estará disponível em toda a rede de concessionárias Yamaha nas cores Matt Grey (Cinza Fosco), Competition White (Branco) e Racing Red (Vermelho) com preço público sugerido de R$ 26.990,00 + frete na versão standard e R$28.490,00 + frete na versão com freios ABS.


Torque linear, motor compacto e leve Desenvolvido especialmente para a MT-07, o motor DOHC quatro tempos com dois cilindros em linha, baseado na tecnologia Crossplane, conta com refrigeração líquida, quatro válvulas por cilindro, sendo 8 válvulas no total, e 689 cilindradas que alcançam 74,8 cv atingidos a 9.000 rpm e torque de 6,9 kgfm a 6.500 rpm. O conceito Crossplane - utilizado em outras motocicletas Yamaha, inclusive na motocicleta campeã do MotoGP, a M1 - foi pensado para melhorar o torque e entrega de potência do motor. 


O virabrequim conta com um ângulo de 270° o que cria um intervalo irregular nas explosões que movem os pistões, promovendo um movimento continuo em seus respectivos ciclos. Isso cria um som característico e estimulante e, mais importante, soma os movimentos e inércia interna do motor para que o piloto experimente a força da combustão e a entrega do torque em cada uma das seis marchas do seu câmbio. Seu sistema de exaustão foi pensado para trazer excelente performance e centralização de massa, mantendo a motocicleta compacta e leve, com seus dois tubos, câmara e ponteira que emite um som agradável e instigante.


Design Leve e potente é o que define o desenho da MT-07. Ela conta com apenas 179Kg na versão standard e 182kg na versão com ABS em ordem de marcha. O quadro de aço exclusivo foi projetado para ser leve, compacto, fino e ágil, contribuindo para um controle e pilotagem mais suave. O motor faz parte da estrutura do chassi, o que permite boa performance, redução de massa e consequente melhora no centro de gravidade e a posição de pilotagem. 


A MT-07 foi desenhada levando em conta um conceito de duas linhas, uma superior, em que a motocicleta expressa a unidade entre piloto e máquina, e a inferior, aludindo à beleza funcional do seu conjunto mecânico de máximo torque e força. Outro atributo que chama a atenção no modelo e é característico da família MT é o desenho em forma de “Z” formado pelas entradas de ar e a ponteira do escapamento.  


O chassi - aliado à distância entre eixos de apenas 1400mm, suas rodas chamativas de alumínio com aros de dez pontas e seu sistema de suspensões - contribuem para uma motocicleta de fácil dirigibilidade, ágil para o trânsito do dia-a-dia e com um conjunto que agrada aos olhos.  A suspensão traseira é do tipo Monocross com link progressivo com 130mm de curso, o que deixa a motocicleta mais leve e compacta, dispensando o uso de outras peças. O amortecedor é posicionado em alinhamento quase horizontal. Essa posição única contribui com a centralização de massa e uma estrutura mais estreita. A MT-07 conta com nove posições de ajustes permitindo ao piloto uma configuração ideal para a condução do modelo. 


A suspensão dianteira é do tipo garfo telescópico, com as mesas em alumínio, 130mm de curso e 35mm de diâmetro interno. O conjunto também contribui para a leveza da motocicleta, mais agilidade e design compacto. Isso torna a motocicleta mais estável mesmo em pisos irregulares. Seu assento, com 805mm de altura, bipartido em dois níveis, oferece jornadas agradáveis ao piloto e garupa. O tanque de 14 litros é protegido por uma carenagem especial colaborando também para tornar a motocicleta mais leve.  



O sistema de freios da MT-07, tanto na versão STD quando a ABS, conta com dois discos flutuantes de 282mm e 4 pistões hidráulicos em cada pinça na roda dianteira e um disco de 245mm na traseira. O painel da MT-07 é completo e exclusivo. Com display em LCD e iluminado por LEDs, totalmente digital, conta com relógio, indicadores de marcha e combustível; outro destaque é o conta giros em barras entre 4.000 a 8.000 rpm indica, além da rotação, a faixa de maior torque. Ainda tem, odômetro total e parcial, consumo médio, consumo instantâneo, odômetro parcial de reserva de combustível, temperatura do liquido de arrefecimento, temperatura do ar de admissão e o indicador “Eco”, que mostra quando a motocicleta está consumindo de maneira eficiente o combustível considerando rotação do motor, ângulo de abertura da borboleta, velocidade da motocicleta e marcha.


Com o conjunto ótico, sendo, o da frente compacto e multi-refletor e a lanterna traseira em LED, expressa uma aparência elegante, leve e moderna. No guidão, o botão de partida é inovador e igual ao da MT-09, seus retrovisores são angulados e o sinalizador de farol alto em formato de gatilho.


Seguro com Preço Fixo Uma grande novidade para os consumidores da MT-07 é a possibilidade de garantir o modelo com seguro com preço fixo. A Yamaha Corretora de Seguros em parceria com a Seguradora Cardif apresentam condições especiais para os motociclistas da MT-07 que, a partir de agora, podem pelo valor de R$3.000,00 (para os estados de São Paulo e Rio de Janeiro) contar com a cobertura de 12 meses contra roubo e furto com assistência 24 horas; limite de indenização do seguro correspondente a 80% da tabela FIPE; instalação de rastreador Ituran em todas as motos seguradas. A condição de pagamento pode ser à vista ou em 12 parcelas fixas no cartão de crédito.  


A linha de Acessórios Originais Yamaha da MT-07, foi desenvolvida especialmente para combinar com o design da motocicleta, aliando esportividade, conforto e proteção. A nova coleção Lifestyle MT, inspirada no tema “Dark Side of Japan”, apresenta uma gama de vestuário ideal para os pilotos desta máquina, como as jaquetas MT-Techno, MT-Tattoo e as luvas MT, além da série casual street wear que inclui uma blusa com capuz, camiseta, bandana, chaveiros do emblema e da jaqueta MT, além de bonés e capas para smartphones, tudo caracterizado com o design MT-Tattoo. Confira todos os acessórios: http://www.acessoriosyamaha.com.br/


Especificações técnicas

Motor: 4T, 689cm³, DOHC 8 válvulas
Refrigeração: líquida
Quantidade de cilindros: 2
Diâmetro X curso: 80 x 68,6 (mm)
Taxa de compressão: 11.5:1
Torque máximo: 6,9 kgfm @ 6.500
Potência máxima: 74,8 cv @ 9.000
Sistema de partida: elétrica
Sistema de lubrificação: cárter úmido
Capacidade de óleo do motor: 3 litros
Tipo de combustível: gasolina
Capacidade do tanque de combustível: 14 litros, sendo 2,7 litros de reserva
Alimentação: injeção eletrônica
Sistema de ignição: TCI
Bateria: 12V 8,6 Ah


Transmissão primária: engrenagens
Transmissão secundária: corrente
Embreagem: multidisco úmida
Câmbio: 6 velocidades
Tipo de chassi: diamante
Ângulo de caster: 24º 50'
Trail (mm): 90
Pneu dianteiro: 120/70 ZR 17M/C (58W)
Pneu traseiro: 180/55 ZR 17M/C (73W)
Ø do freio dianteiro: 282
Ø do freio traseiro (mm): 245
Suspensão dianteira: garfo telescópico
Suspensão traseira: balança traseira tipo Monocross com link
Curso da suspensão diant.(mm): 130
Curso da roda tras. (mm): 130


Comprimento total (mm): 2.085
Largura total (mm): 745
Altura total (mm): 1.090
Altura do assento (mm): 805
Altura mínima do solo (mm) 140
Peso seco* (kg): 164 / 167 (ABS)
Peso líquido**(kg): 179 / 182 (ABS)
Peso bruto total (PBT)***(kg): 355
Raio mínimo de giro (mm): 2.700 (2,7 m)
Distância entre eixos (mm): 1.400

Observações:
* Peso seco = Peso da motocicleta sem retrovisor e sem fluidos.
** Peso líquido = Motocicleta completa + Fluidos (considerando tanque cheio).
*** PBT = Peso líquido + 2 pessoas + Capacidade de carga.

Um comentário:

  1. Esse design é simplesmente divino! Ela é uma moto bem encorpada, rápida e bonitona.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO: seu comentário passará pelo moderador antes de ser publicado, então não será publicado imediatamente. Procure escrever em bom Português e não utilize linguagem ofensiva. Se comentar como anônimo, informe seu nome. Comentários desrespeitosos, ofensivos e com linguagem imprópria serão excluídos.